Escrito à máquina...

Que me perdoem os leitores mas, eu, hoje, preciso de escrever umas linhas...

Ando numa fase terrível! Fase longa, que teima em não acabar...

Passo a explicar.

Conforme muitos sabem, eu gosto destas coisas: computadores, Internet, software Open Source, etc... Desde sempre! E são as minhas ferramentas de trabalho quotidianas!

Ora, apesar de não ser “informático”, desenrasco-me muito bem. Tenho centenas, milhares de horas de autoformação e de formação na bagagem! Muitas mais de autoformação do que das últimas. E, permitam-me, as primeiras, ao longo destes 38 anos de aprendizagem, têm sido bem melhores! Obrigado a todos aqueles que, aqui, nesta nossa casa comum, a Internet, partilham generosamente a sua sabedoria. Um grande bem-haja para todos!

Leia mais...

Alguns pensamentos sobre privacidade e segurança... ou sobre a sua falta e o seu desrespeito.

Tenho, ultimamente, estado no meio dum verdadeiro turbilhão de sentimentos conflituantes, motivados pela atual situação mundial, que colocou uma grande percentagem da população mundial na contingência de ter de trabalhar a partir de casa, usando plataformas digitais.

Ora, sendo eu uma pessoa de mente aberta e, desde sempre, adepto da utilização destas tecnologias, não tive qualquer dificuldade em fazer esta transição.

Acontece que, por um acaso da vida, sou professor. E, mais especificamente, professor de Inglês. Até vem mesmo a calhar... Também calha bem o facto de ter tido o privilégio de começar a usar computadores com os meus 12 anos e de ser utilizador de software Open Source desde 1998. Ena, já lá vão 22 anos!

Os meus primeiros passos no mundo do software Open Source foram dados graças ao senhor Bill Gates e ao seu bug disfarçado de sistema operativo chamado Windows, a quem, desde já, quero enviar os meus sinceros agradecimentos por me ter mostrado o caminho da verdadeira luz informática tão cedo!

Leia mais...

Yes, that's right, I'm getting to my #fifties!

OK! And why does that matter?

Well, it does really matter because there are things going on that I don't understand... This thing of “being human” is raising some serious #questions and I wonder if there's someone out there in the possession of the right #answers.

During these 50 years, during which I've had the pleasure of teaching myself to learn and of allowing others to teach me and to help me evolve as a human being, I've developed this inquisitive mind of mine, which loves posing new questions and finding out their answers. Learning new things.

I believe I've grown to become a better man, a better husband, a better father, a better person.

But there are many things to better still and many fights to be had and...

Leia mais...

There's something I really can't understand: the reason why some people use social networks...

I use them because they allow me to interact with people from all over the world. People with similar interests and people with different interests, some of which I like, others I don't. I'm free to choose and I learn. And I'm not supposed to like everything and everyone and neither are the others. And no one is forced to like me or my ideas. But I must respect everybody and everyone should respect everyone else!

But some people seem to like venting. And that's OK. And they do it on social networks. And that's OK too. What is not OK is that they do it openly for everyone to read and, when someone, politely, replies with a kind word or opinion they reply with aggressiveness and hatred!

So, why do people vent if they do not respect the others when they kindly offer some of their precious time and reply with a kind word our respectful opinion?

Why using a social network if you don't want to initiate a dialogue?

Why do people seem to think that everyone is bad? And if so, why do they write and vent into the “open air”?

Why don't they use the good old notebook and lock it away if they can't deal with kindness and politeness?

And... Well, this is me venting... But you can comment. I know kindness and politeness and I love using and sharing them.

Be well!

Já que estou em casa, doente, em recuperação, aproveito para fazer algumas actualizações aos meus serviços...

Foi o que aconteceu com a actualização do domínio deste blog, por exemplo, entre outras mudanças que visam uma maior integração das minhas/nossas páginas e serviços, bem como a melhoria dos serviços que irei/iremos prestar aos nossos alunos no próximo ano lectivo.

Como em tudo na vida, estas mudanças não são definitivas, pois é sempre possível fazer melhor e evoluir. E não há nada melhor que a prova feita pelo uso para ver o que é necessário alterar. Por isso, tudo o que está feito neste momento estará sujeito às mudanças consideradas necessárias e pertinentes que o tempo ditará.

Um trabalho em constante evolução, como a própria vida...

It's true, I really think that any kind of monopoly is bad. So, in January, I started to move away from the big corporations, namely #Facebook and its subsidiary companies... Now it's Google's turn.

Quietly and calmly I'm returning to use the Internet in a more discrete way. And I'm recovering the #control over all my data.

No, I'll not go mad about it, but that's the way it's going to be.

Leia mais...

So, it seems that these very interesting and, — sometimes —, very useful proofs of human capacity are taking over the Internet!

Yes, they might really be very important at helping humanity performing some tasks. But, when we start thinking that they should replace our thinking ability, aren't we being a little stupid? When we give up of our intelligence and human ability to use our brains and interact and share our knowledge with others, putting our faith on machines and #algorithms, aren't we wasting the best qualities and capacities that we have? Are we becoming numb and dumb? Just me asking...

Leia mais...

Celebrou-se, hoje, em #Portugal, o Dia Nacional Contra a Violência Doméstica.

Até agora, em dois meses e pouco, já foram assassinadas doze mulheres! E, hoje, foi encontrada a cabeça de outra vítima, em avançado estado de decomposição, dentro dum saco de plástico, numa praia de Leça da Palmeira, Matosinhos!

Lamentável, triste, vergonhoso! Que sociedade é esta?!

***

Leia mais...

1.5 times the number of the whole population of Portugal has left #Facebook from 2018 to 2019. Only in The USA!

Great news!

So, a whole month has gone by since I deleted my #Facebook account. Now it's official, I can't recover my ten-year-old-plus account even if I wanted to.

Leia mais...